Este site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar a usar este site, você concorda com o uso de cookies no seu dispositivo conforme descrito em nossas Políticas de Uso de Cookies.
Reservar agora
  • 34128531

Petrópolis - As duas faces

Conheça as duas faces de Petrópolis em uma mesma ocasião: hospede-se no mais belo recanto rural do município, o Vale das Videiras,e visite o Centro Histórico da única Cidade Imperial da América Latina.

34128194

Considerado pelas revistas especializadas como “o mais belo reduto ecológico da região rural de Petrópolis”, o Vale das Videiras fica no Alto Araras, entre a Serra de Araras e a Serra da Ponte Funda.

Em reportagem sobre “Os Novos Refúgios da Serra Fluminense”, a jornalista Patrícia Malavez, da revista VEJA-RIO, destaca:

34128200
“Há dez anos, Itaipava, o mais badalado distrito de Petrópolis, era sinônimo de sossego. Já existiam pousadas aconchegantes, restaurantes de qualidade e um mínimo de opções de compras, mas o que se impunha eram as montanhas maravilhosas, o verde exuberante, o clima ameno, em torno de 15 graus, com quedas geladas de até 8 graus. Vida noturna era praticamente inexistente, e quem se importava? Buscavam-se ali o prazer de tomar um vinho ao calor da lareira, o silêncio cheio de sons da natureza, o céu infinitamente estrelado. Hoje, pousadas e restaurantes se multiplicaram na região, chegaram os shopping centers, e a noite, ao menos nos fins de semana, é uma criança para quem quer.

34128603
A natureza continua exuberante, há recantos encantados para passeios, mas os desbravadores, aqueles que querem mesmo esquecer a cidade, curtir uma clima rural, já não se satisfazem em ficar por ali. Para esse, é ótimo que Itaipava esteja pertinho, a vinte minutos de carro. Pelo menos. Quem busca o sossego que outrora era a marca principal de Itaipava procura outros espaços entre as montanhas da Serra. Lugares como o Vale das Videiras, no alto de Araras, um paraíso para quem curte trilhas na Mata Atlântica, noites silenciosas e uma pitada de conforto urbano.”

34128667

Situado entre duas área de preservação ambiental (Reserva Ecológica de Araras e Zona de Proteção Ambiental da Ponte Funda), o Vale das Videiras é rico em natureza: riachos, cachoeiras, diferentes espécies de vegetais e animais.

No Brasil Colônia, e depois no Império, as terras hoje conhecidas como “Vale das Videiras” pertenciam à então Comarca de Vassouras, hoje município limítrofe. Impróprias para a cultura de café, essas terras serviam apenas como passagem para viajantes que vinham ou iam do Rio de Janeiro e Petrópolis para Vassouras, Secretário, Juiz de Fora e terras de Minas Gerais. Nos últimos anos do Império, as famílias Rispoli e Imbeloni, vindas do sul da Itália, tentaram a produção de uvas na região, surgindo daí o nome “Vale das Videiras”. 

Hoje, o Vale das Videiras produz hortaliças, frutas, mel, leite, coelhos, cogumelos e outros tantos produtos rurais utilizados pelos restaurantes do chamado “Vale Gourmet”.

Em torno do pequeno centro urbano do Vale das Videiras, encontramos um coreto, escola, farmácia, posto de gasolina, pizzaria e lojas de decoração e artesanato. Estradas de terra e belas trilhas partem dali e passam por montanhas, matas, riachos e antigas fazendas. São caminhos centenários que levam a lugares como o Vale das Princesas, Estrada do Imperador, Fazenda Inglesa e Rocio. Noutro sentido, outras estradas de chão passam por plantações de tomate, até chegar a Paty do Alferes, Miguel Pereira, Secretário e Paraíba do Sul. São roteiros consagrados para cavalgadas ecológicas, passeios a pé, de bicicleta, de moto ou camionetes com tração nas quatro rodas.

O centro Histórico

34128792

Petrópolis é, inquestionavelmente, um dos principais destinos turísticos do Brasil e do Estado do Rio de Janeiro. O “Guia 4 Rodas” classifica o seu Centro Histórico com cotação máxima (quatro estrelas vermelhas , equivalentes a “não deixe de ir”).

O Centro Histórico guarda lembranças do Brasil Imperial em imponentes construções, com destaque para o Museu Imperial, palácio construído em estilo neoclássico por D. Pedro II para ser residência de verão. Entre outras destacadas peças, ali se encontram a coroa, o manto e o cetro de D. Pedro II, bem como pinturas, móveis, documentos e joias imperiais.

Merecem ser visitados, ainda:

34128826

• Palácio de Cristal - construído na França em estrutura pré-moldada de ferro fundido, foi inaugurado em 1884 para abrigar exposições de produtos agrícolas e hortícolas. Seu momento marcante foi a comemoração da libertação dos escravos (1 de abril de 1988), que contou com a presença da Princesa Isabel;

• Palácio Rio Negro - construído em 1889 pelo Barão do Rio Negro. Também conhecido como “Casa dos Presidentes” por ter se transformado, a partir de 1903, em residência oficial de verão dos Presidentes da República, tendo ali mobiliário da época de Getúlio Vargas e Juscelino Kubitschek;

34128849


Catedral de São Pedro de Alcântara - em estilo neogótico, guarda os restos mortais de D.Pedro II, D. Teresa Cristina, Conde D’Eu e Princesa Isabel;

• Museu Casa de Santos Dumont – foi residência de verão do Pai da Aviação.

34128858

Aproveite para percorrer as ruas Köeler, Ipiranga e Pedro I, com inúmeras casas antigas bem conservadas (Casa da Princesa Isabel, Casa de Petrópolis e Casa do Barão de Mauá, dentre outras), e pare em uma das lojas de chocolate e folheados que a cidade oferece.

Imperdível também uma visita à Rua Teresa, o maior centro de malharias da América do Sul, com mais de 1.000 lojas e confecções que vendem a um preço bem menor do que nas grandes cidades.

Mas para conhecer o Centro Histórico da Cidade Imperial não é necessário conviver com os problemas intrínsecos a uma cidade com mais de 300 mil habitantes, vias estreitas e tortuosas e trânsito intenso mesmo nos acessos. Por isso, não resta dúvida que a melhor opção é ficar hospedado em um dos distritos de Petrópolis. A pousada Fazenda das Videiras fica no distrito de Araras e em área rural (Vale das Videiras). Da pousada ao Centro Histórico de Petrópolis são apenas 34 km. Poderemos agendar city-tour, bem como visitas guiadas com guias profissionais.
Fechar